Home / Carapicuíba / Governo do Estado abre 988 vagas para alistamento civil e 30 novos polos da Univesp na Região Metropolitana de São Paulo

Governo do Estado abre 988 vagas para alistamento civil e 30 novos polos da Univesp na Região Metropolitana de São Paulo

Cidades da região vão receber mais de R$ 75 milhões para infraestrutura, saneamento, turismo e obras em escolas

O governador Márcio França lançou hoje, 5 de julho, a iniciativa Jovens no Exercício do Programa de Orientação Estadual (JEPOE). Trata-se do alistamento civil voluntário do Governo do Estado de São Paulo, que pretende engajar adolescentes entre 16 e 18 anos, em atividades de interesse social, como ações comunitárias e de orientação ao cidadão.

Os participantes serão selecionados em bairros socialmente vulneráveis e receberão bolsa-auxílio no valor de R$ 500,00 mensais, mediante a comprovação de frequência no Ensino Médio. Os selecionados também frequentarão cursos de Qualificação Profissional e Formação Cidadã, com noções de Direito e Cidadania, Ética e Empreendedorismo.

A previsão é que os cursos comecem em agosto. Serão oferecidas 4.337 vagas inicialmente em 16 municípios, um em cada região administrativa do Estado. Na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), Carapicuíba foi o município contemplado com 988 vagas. As cidades escolhidas passaram por critério de seleção que levou em conta indicadores sociais, como orçamento municipal per capita, vulnerabilidade e altos índices de criminalidade entre os jovens.

O JEPOE foi inspirado no Jovens no Exercício do Programa de Orientação Municipal (JEPOM), desenvolvido em São Vicente de 2001 a 2012. Criado pelo então prefeito da cidade, Márcio França, a iniciativa reduziu em 56% os índices de violência no município do litoral paulista, após a oferta de capacitação profissional à população jovem e mais vulnerável socialmente.

Univesp
Na última terça-feira, dia 3 de julho, o governador assinou convênio com 230 municípios que implantaram novos polos da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), em 2018. Desses, 143 começaram as atividades no 1º semestre e 87 iniciam neste 2º semestre. Com a expansão, em um ano, a universidade ofereceu mais de 55 mil vagas em três vestibulares e passou de 45 para 330 polos, em 290 cidades.

A RMSP tem hoje 36 polos e oferece 8,2 mil vagas, após as assinaturas dos convênios com mais cidades.

Tornaram-se polos no 1º semestre: Arujá (200 vagas), Biritiba Mirim (100), Carapicuíba (200), Francisco Morato (150), Franco da Rocha (150), Guararema (150), Itaquaquecetuba (200), Mogi das Cruzes (200), Poá (200), Salesópolis (100), Santa Isabel (200), Santo André/Fatec (150), Santo André/2º polo (150), São Caetano do Sul (150) e São Caetano do Sul/Polo Fatec (50), Suzano (200) e Vargem Grande Paulista (150).

A partir deste 2º semestre iniciam: Caieiras (200 vagas), Cajamar (200), Itapecerica da Serra (200), Itapevi (200), Juquitiba (150), Mairiporã (200), Mauá (2 mil), Osasco Polo UAB (200), Ribeirão Pires (200), Santana do Paraíba (200), São Bernardo do Campo (200), São Lourenço da Serra (100) e Guarulhos 2º polo (400 vagas).

Desde o ano passado, já são polos: Barueri (250 vagas), Diadema (300), Embu das Artes (200), Guarulhos (200), Jandira (200) e Osasco/Fatec (100).

“A ideia é chegar a 450 mil vagas nos polos em todo o Estado. Por que 450 mil? É o número de todos alunos do Ensino Médio paulista quando se formam no terceiro ano. A meta é que todo rapaz ou moça que se forme nas escolas estaduais tenha garantida uma vaga nessas faculdades sem vestibular, com cursos ministrados por professores da USP, Unicamp, Unesp e das Fatecs”, ressaltou o governador.

Em junho de 2018, a universidade deu início à implantação do novo modelo pedagógico, com a abertura do processo de seleção para a contratação de 1.100 mediadores presenciais e 94 supervisores. Também lançou o Selo Parceiro Univesp, certificado concedido às prefeituras, universidades, empresas e entidades que atuam em conjunto com a instituição na oferta de educação superior a distância de qualidade. O certificado comprova ações implementadas em parcerias ou por meio de convênios.

A Univesp oferece cursos de Engenharia de Produção, Engenharia de Computação, Licenciaturas de Biologia, Química, Física, Matemática e Pedagogia e o de Tecnologia em Gestão Pública. De 25 de maio a 19 de junho, o vestibular somou 38 mil inscritos para 21.650 vagas. A prova acontecerá neste domingo, dia 8 de julho, e o gabarito divulgado em 10 de julho. As matrículas deverão ser realizadas entre 1 e 3 de agosto, nos próprios polos.

Mais investimentos na Educação
Márcio França também anunciou nesta terça-feira um pacote de ações de R$ 430 milhões para melhorar a educação em todo o Estado de São Paulo. Trata-se do Projeto Juntos pela Escola que prevê investimentos na formação de professores, novos concursos, reforma de prédios e aquisição de equipamentos. O programa responde às demandas imediatas da rede paulista de ensino já a partir do 2º semestre e levará inovação às 5,4 mil escolas beneficiando diretamente 3,7 milhões de crianças e jovens matriculados.

A Região Metropolitana recebeu R$ 3,7 milhões em obras de infraestrutura e modernização de 27 prédios escolares em 14 municípios: Guarulhos, Itaquaquecetuba, Suzano, Santa Isabel, Santo André, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires, São Bernardo do Campo, Caieiras, Carapicuíba, Franco da Rocha, Itapecerica da Serra e Mairiporã.

Já foram investidos mais de R$ 22 milhões em 175 escolas de todo Estado. Para o 2º semestre, estão reservados R$ 41 milhões para mais de 200 unidades; reparos pequenos e médios; e reforma de prédios administrativos de diretorias regionais.

Convênios
Na semana passada, dia 28 de junho, o governador Márcio França assinou convênios com 365 municípios das 16 regiões administrativas paulistas. Foram liberados R$ 388 milhões para execução de obras de infraestrutura urbana, turismo, saneamento e esporte. A Região Metropolitana de São Paulo recebeu R$ 71 milhões.

Para obras de recapeamento e pavimentação asfáltica, 21 municípios receberão R$ 69,8 milhões. São eles: Caieiras, Cajamar, Cotia, Diadema, Embu das Artes, Embu Guaçu, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guarulhos, Itapevi, Jandira, Juquitiba, Mairiporã, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Lourenço da Serra e Vargem Grande Paulista.

Na área do Turismo, Guararema e Mogi das Cruzes estavam entre as 38 cidades que assinaram convênios para oito projetos. O recurso liberado foi R$ 1,2 milhão. Pelo programa Esporte Social, foi anunciada a transferência de R$ 99 mil para Carapicuíba construir pistas de skate.

Macroanel
Mais um projeto viário favorecerá a mobilidade do Alto Tietê e do Estado: o Macroanel Rodoviário. Em curso, o projeto favorecerá a mobilidade de todo o Estado de São Paulo. O estudo prevê a criação de um cinturão ao redor do Rodoanel, interligando as cidades do interior ao litoral. O novo acesso, que terá 600 km, vai interligar sete rodovias, com a duplicação de 240 km, além da construção de 24 km, beneficiando toda a malha rodoviária paulista.

Em 17 de maio, o governador Márcio França assinou uma importante demanda dos prefeitos da região metropolitana: a retomada do projeto de construção da alça de acesso da Rodovia Henrique Eroles (SP-66) ao trecho leste do Rodoanel, na divisa de Suzano e Poá. A ligação beneficiará diretamente Suzano, Poá, Itaquaquecetuba e Mogi das Cruzes, atraindo mais empresas para a região e criando novos postos de trabalho diretos e indiretos. A estimativa é R$ 65 milhões de investimentos.

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Feriados da Proclamação da República e do Dia da Consciência Negra alteram operação de postos do Detran.SP

Unidades em cidades onde 20 de novembro é feriado municipal seguirão a definição das prefeituras …