Home / Carapicuíba / O final não é da sua conta ! Por Roberto Marinho

O final não é da sua conta ! Por Roberto Marinho

Foto: Unsplash

Por: Roberto Marinho

O FINAL NÃO É DA SUA CONTA!

Peraí, só um bocadinho! Não pense que sou mal-educado, não, haha! Deixa eu explicar direitinho o porquê desse meu começo meio atravessado. Prometo que, se você ficar até o fim, tudo vai fazer sentido. Então, senta aí, relaxa, e vem comigo!

Em uma dessas noites tranquilas, no mundo daqui, encontrei refúgio em uma nova comédia romântica da Netflix, “Tudo em Família”. O filme, com Nicole Kidman, Zac Efron, Joey King e Kathy Bates encantou-me com sua trama envolvente. A história gira em torno de uma mãe, vivida por Kidman, que se apaixona por um homem bem mais jovem, Efron, para o desconcerto de sua filha, Joey King.

Nicole Kidman, sempre a personificação da elegância, encontra-se em um dilema amoroso. Sua personagem, diante de uma nova paixão e um relacionamento constantemente inconstante, busca conselhos de sua ex-sogra, Kathy Bates. Em uma conversa sincera, ela revela suas inseguranças e dúvidas sobre o futuro desse romance. A resposta que recebe é simples, porém profunda: “O final não é da sua conta.”

Essas palavras ressoaram em mim. Quantas vezes nos perdemos em ansiedades sobre como as coisas vão terminar? Projetos, relacionamentos, sonhos – tudo parece precisar de uma garantia de desfecho. No entanto, a verdadeira sabedoria talvez resida em entender que o desenrolar e não o final, é o que realmente importa.

A ansiedade, essa companheira antiga mascarada de emoção moderna, muitas vezes nasce do medo do incerto. Curiosamente, um dos novos sentimentos apresentados no filme “Divertidamente 2” é justamente a ansiedade. Se aprendêssemos a aceitar que o final não está em nossas mãos, mas sim a maneira como vivemos o presente, talvez a vida se tornasse uma dança emocionante de idas e vindas.

Entretanto, viver no presente requer treino e coragem. O passado traz consigo angústias e depressões, enquanto o futuro carrega a ansiedade. Não é à toa que o Brasil lidera o ranking das pessoas mais ansiosas. A solução, então, parece ser simples, ainda que desafiadora: aproveitar o momento presente, extraindo dele o melhor que podemos.

Assim, refletindo sobre as palavras sábias da ex-sogra de Nicole Kidman, percebo que a beleza da vida está em abraçar o agora. Afinal, cada momento vivido plenamente é um final em si mesmo, uma pequena obra-prima de nossa existência.

Veja só que mundo ansioso. Num compasso tresloucado e frenético dos dias modernos, o coração do mundo bate mais acelerado. Ansiedade, essa velha conhecida de muitos, parece ter encontrado um lar especial em terras brasileiras. O Brasil, com sua imensidão territorial e diversidade cultural, desponta com uma taxa preocupante de 9,3% da população afetada por transtornos de ansiedade, segundo a Organização Mundial da Saúde e a Associação Brasileira de Psiquiatria. Isso representa cerca de 18,6 milhões de brasileiros lutando diariamente contra os fantasmas invisíveis da ansiedade patológica.

Não estamos sozinhos nessa jornada turbulenta. Países vizinhos e distantes compartilham deste fardo: o Paraguai (7,6%), a Noruega (7,4%), a Nova Zelândia (7,3%) e a Austrália (7%) também apresentam índices alarmantes.

A ansiedade, parece, não conhece fronteiras. Então, veio a pandemia. A Covid-19, com seu manto de incertezas, trouxe consigo um aumento nos níveis de ansiedade e depressão globalmente. O isolamento social, o medo constante da infecção, as perdas irreparáveis e as restrições diárias foram o caldo perfeito para um estresse mental avassalador, como sublinha a Organização Mundial da Saúde.

Com muito riso e a sabedoria dos dias, voltemos àquela ideia intrigante sobre o que é ou não é da nossa conta. Não tem como evitar um sorriso ao perceber como muitas coisas escapam ao nosso controle. Lembram da Covid-19? Nossa, só de pensar já dá vontade de fugir desse tema e de outros tantos assuntos chatos. A ansiedade, por exemplo, é uma dessas coisas que, para mantermos afastada, precisamos nos desprender da preocupação com o futuro.

Há um texto bíblico que captura bem essa essência. Em Mateus 6:34, está escrito: “Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal.” Quanta verdade nessas palavras! Cada dia traz consigo seus próprios desafios, e é sábio aprender a viver um de cada vez.

De verdade, para sentir o impacto que senti ao assistir ao diálogo daquele filme, é imprescindível vê-lo por si mesmo. Há algo confortante em aceitar que fazemos o que é possível e o que está ao nosso alcance. O resto? Bem, aí está o grande mistério. E é aí que reside a beleza – em rir dos imprevistos, viver o presente e deixar o futuro se desenrolar por si só. Afinal, quem tem todas as respostas? Eu certamente não tenho, e tudo bem. Mais risos.

E assim, enquanto o mundo continua seu eterno giro, nos resta a tarefa de encontrar maneiras de acalmar as tempestades internas. Que possamos navegar com coragem e esperança, enfrentando as marés revoltas com o coração leve e a mente tranquila. Afinal, é na serenidade que descobrimos a força para seguir em frente, um dia de cada vez, apreciando a beleza de cada momento vivido.

E como conquistar tudo isso? A receita é simples, mas frequentemente negligenciada: pratique esportes, tenha uma boa alimentação, durma bem, cultive amizades, mergulhe nas músicas que ama, desfrute da deliciosa meditação e encontre uma terapia que lhe traga confiança e bem-estar. Talvez, ao colocarmos essas pequenas ações em prática, possamos descobrir que a vida se torna mais leve e plena. Boa jornada pela vida.
Roberto Marinho
Publicitário e Psicanalista
Contato: Robertomarinho28@gmail.com

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Atleta do GUS se classifica entre as 16 melhores nadadoras do país

No início do mês de julho, na cidade de Recife, aconteceu o Campeonato Brasileiro de …

Skip to content