Home / Cotia / Está terminando o prazo para vistoria obrigatória do transporte escolar de Cotia

Está terminando o prazo para vistoria obrigatória do transporte escolar de Cotia

Transportadores escolares de Cotia têm até o dia 28/01, impreterivelmente, para fazerem a vistoria obrigatória de renovação do alvará. A não renovação implicará em autuação e apreensão do veículo

Foto: Divulgação

A Secretaria de Transportes e Mobilidade (Setram) de Cotia informou que não haverá prorrogação no prazo de vistoria de renovação do alvará para o Transporte Escolar. A data limite é 28 de janeiro. A vistoria é uma etapa obrigatória para o funcionamento regular da categoria no município e está prevista na Lei Municipal 1553/2009. As vistorias estão sendo feitas no Recinto de Eventos, ao lado do Terminal Metropolitano, mediante agendamento pelo telefone 4243-1138.

Durante a vistoria serão checados itens de segurança dos transportes, como: extintor, funcionamento de setas, lanternas, condições dos pneus, lataria, entre outros itens. A parte documental do veículo e do condutor também será verificada.

Sem realizar a vistoria o condutor do transporte escolar não receberá o alvará de funcionamento e estará sujeito à fiscalização, multa e apreensão do veículo. No dia da vistoria será solicitado o laudo de aferição do tacógrafo, documento do veículo e a CNH do condutor juntamente com a carteirinha do alvará referente ao ano de 2021.

Vistoria de renovação do alvará do transporte escolar

Até 28 de janeiro de 2022

Local: Recinto de Eventos

Endereço: Rua Eng. Leon Psanquevich, 273 – Centro

Agendamento pelo telefone: 4243-1138

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Programa de Educação para o Trânsito retoma blitz educativa com alunos de Cotia

  Na manhã desta quarta-feira (25/05), alunos da Escola Municipal Maisa Aparecida Ribeiro, de Caucaia …

Skip to content