Home / Política / Vereador Julio Mariano apoia Projeto que visa reativar Mata da Câmara

Vereador Julio Mariano apoia Projeto que visa reativar Mata da Câmara

Foto: Lilá Araujo

Quando a Câmara Municipal foi estabelecida no município, em 1883, não
existia a figura do prefeito e o Presidente da Casa de Leis era quem
gerenciava as funções do legislativo e também o “Conselho”,
responsável direto pela implantação de obras e serviços no
Município, assim como o dever de administrar, policiar, punir e zelar
pelos bens municipais.

Diversos Presidentes que passaram pela Casa de Leis naquele período
foram sucessivamente adquirindo trechos da Mata Atlântica, dando origem
ao que hoje forma o Parque Natural da Mata da Câmara. Tais aquisições
tinham a finalidade de preservar as sete nascentes localizadas nela,
conhecidas como Manancial da Boa Vista, que abasteciam São Roque de
água potável.

Através das tubulações, e com a força da gravidade, as águas destas
nascentes eram direcionadas à caixa d´água instalada na esquina da
Rua Pedro Conti, com a Rua Marechal Deodoro da Fonseca, de onde era
distribuída também por gravidade para as residências.

Em 1982 o então Prefeito Antonio Carlos Moya de Oliveira criou a 1ª
Estação Ecológica de São Roque, com 53 alqueires remanescentes da
Mata Atlântica e constituiu, junto com outras áreas verdes, a reserva
da biosfera do cinturão verde da cidade de São Paulo.

Em 1999, o Prefeito Efaneu Nolasco Godinho transformou a área no Parque
Natural Municipal de São Roque e, com a posse e domínio, criou no
local a Escola Ambiental. Posteriormente a UNESCO tombou a área e a
reconheceu como Patrimônio da Humanidade.

Temos que destacar que, desde 1993, a Associação da Juventude
Ecológica (AJE) lutou para transformar a área em Parque Ecológico,
sob a coordenação de seu Presidente na época, Oswaldo Lucio Crepaldi
(Sorriso), juntamente com Carlos Caldeira e os dois ambientalistas
tiveram papel fundamental para a preservação desta área.

Preocupado com a preservação e o destino da Mata da Câmara, o
vereador Julio Mariano se encontrou com os ambientalistas Caldeira e
Sorriso, que atualmente é o Presidente da Associação Brasileira da
Jornada Ecológica – IBRAJE (antiga AJE), na última quarta-feira, para
juntos visitarem o local e discutirem o projeto que propõe um plano de
manejo para reativar o parque e a Escola Ambiental, e que será
apresentado à Administração Pública Municipal.

Durante a visita, constataram que não há um plano de manejo no local,
assim como também não há um segurança, capaz de zelar e preservar o
patrimônio público ou mesmo das pessoas que o visitam, embora haja
placa que informa que a área é protegida.

“Sabemos que os recursos no município estão escassos e a idéia é
transferir para o IBRAJE a responsabilidade de cuidar e gerenciar esta
área juntamente com o Poder Executivo. Aquele é um local de potencial
turístico fantástico, de exuberância incontestável e que deve ser
conservado pela Administração Pública e por isso estou enviando um
Ofício ao Prefeito Claudio Góes, solicitando esta parceria com a
IBRAJE com o intuito de dar continuidade à preservação do local, que
teve início há cento e trinta e cinco anos atrás”, finalizou Julio
Mariano,Vereador do PSB de São Roque.

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Vereador William Albuquerque trabalha junto aos Deputados para implantação do Projeto “Areninha” na Vila Amaral em São Roque

Foto: Divulgação O Vereador de São Roque William Albuquerque (DEM), no início de maio de …

Skip to content