Home / Utilidade pública / Estado de SP reduz homicídios, latrocínios e roubos em geral e de veículo

Estado de SP reduz homicídios, latrocínios e roubos em geral e de veículo

A queda dos indicadores criminais aconteceu no mês de abril; no mesmo período houve, ainda, diminuição de roubos a banco e recorde de flagrante de tráfico de entorpecentes

O Estado de São Paulo fechou o mês de abril com queda nos casos e vítimas de homicídios dolosos e de latrocínios, em comparação com igual período do ano passado. Também houve redução nos boletins de ocorrências de furtos veículo e de roubos em geral, de veículos e a banco.

As ocorrências de homicídio doloso recuaram em 11,3% no mês de abril. O total passou de 284 para 252, ou seja, 32 casso a menos. O total é o menor em toda a série histórica do quarto mês do ano, iniciada em 2001.

O número de vítimas de homicídio caiu 10,6% no mês, de 303 para 271 – 32 a menos. O total é o menor desde 2001, quando começa a série histórica.

Com as reduções, as taxas de homicídios do Estado diminuíram nos últimos 12 meses (de maio de 2017 a abril de 2018): foram 7,16 casos e 7,58 vítimas a cada 100 mil habitantes, os índices mais baixos para a série histórica dos dados de criminalidade, que começa em 2001.

Os latrocínios caíram 25% no quarto mês deste ano, passando de 36 para 27 ocorrências – em números absolutos foram nove casos a menos. No mesmo período, o número de vítimas de roubos seguidos de morte diminuiu 22,2%, já que passou de 36 para 28, alcançando o menor índice desde 2010.

Outros indicadores

Em abril, os roubos em geral diminuíram 10,7%, com 2.734 ocorrências a menos (de 25.518 para 22.784). Já os roubos de veículos caíram 11,6% no quarto mês deste ano, passando de 5.590 para 4.941. É a primeira vez que o indicador fica abaixo de 5 mil ocorrências em um mês de abril.

Os roubos a banco caíram 66,7% em abril. A diminuição mensal foi de seis ocorrências, caindo de nove para três casos. A quantidade também é a menor da série histórica mensal, iniciada em 2001. Os roubos de carga tiveram queda de 2%, passando de 784 para 768 em abril.

Os furtos em geral aumentaram em 1,6% no mês, com 662 boletins de ocorrência contabilizados a mais do que em abril de 2017. Os furtos de veículos reduziram em 3,5% no comparativo mensal. O total, que é o segundo menor número da série, caiu de 8.741 para 8.436 ocorrências registradas.

Os estupros tiveram aumento de 9,6%, com 959 boletins de ocorrências registrados no mês. Em abril, também houve três casos de extorsão mediante sequestro no Estado. Em igual período de 2017, não houve nenhum caso.

Produtividade policial

Em abril, o trabalho das polícias Civil e Militar resultou na realização de 15.838 prisões – 2,96% a mais comparando com o abril de 2017. O total é o segundo maior da série histórica, atrás de 2016 (16.088 casos).

As polícias alcançaram, ainda, um recorde de produtividade nos flagrantes de tráfico de entorpecentes no comparativo mensal. Em abril, o indicador subiu 1,97%, indo de 4.019 para 4.098.

No quarto mês deste ano, o trabalho policial ainda resultou na apreensão de 1.164 armas de fogo ilegais.

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Restaurante Bom Prato e Vale Gás serão realidade em Cotia

Durante um evento em Cotia, nesta sexta-feira (27/08), o prefeito Rogério Franco recebeu o governador …

Skip to content