Home / Cotia / Cotia/SP- Premiado, projeto está construindo documentário de memórias da Vila DAE, no Morro Grande

Cotia/SP- Premiado, projeto está construindo documentário de memórias da Vila DAE, no Morro Grande

 Depoimentos, entrevistas, rodas de conversa virtuais, acervo fotográfico de antigos moradores comporão a obra que resgatará e eternizará a história da antiga Vila DAE/Sabesp 

No dia 10 de abril, às 15h, tem estreia do Projeto ‘Desejos de Memória’, um documentário que está sendo construído de forma participativa com antigos moradores da Vila DAE, no Morro Grande. A iniciativa foi premiada pelo Edital Benedito Pereira de Castro – Seu Dito da Congada, lançado pela Secretaria de Cultura e Lazer de Cotia com recursos da Lei Federal Aldir Blanc.

O primeiro encontro virtual idealizado por Damaris Ferreira, Gabriela Carvalho e Vilma Cristina Noseda acontecerá via Google Meet. Para participar da ‘I Roda de Conversa’ de apresentação do projeto basta preencher o formulário no link: https://forms.gle/biy9LJP937YiHTga7.

O documentário “Desejos de Memória” está sendo construído por meio de entrevistas individuais, encontros virtuais e acervo de fotografias antigas cedidas por moradores, além disso, a iniciativa conta com a participação de professoras da Escola Municipal Vicentina Pires. Haverá, ainda, a Roda Memória que acontecerá virtualmente em data a ser divulgada.

Todo o encontro será gravado e subsidiará o documentário com imagens e informações. De acordo com Vilma Cristina o projeto nasceu a partir da compreensão de que a produção e a gestão deste patrimônio histórico e cultural da antiga Vila DAE devem ser feitas com a participação de sua comunidade, do seu envolvimento e da valorização de sua memória e dos saberes locais.

Os moradores serão convidados a participar de oficinas sobre o inventário e a história do bairro Morro Grande. “O objetivo é promover um processo de educação colaborativa que trate de questões sobre museu, memória, cultura e patrimônio da cidade, a partir, principalmente, de questões contemporâneas”, disse Vilma Cristina.

A ideia é dar continuidade a essas ações conjuntamente com a comunidade para a criação de um Museu de território – ECOMUSEU MORRO GRANDE, onde a comunidade indica bens aspectos a serem ‘patrimonializados’, bem como propor ações para a preservação e difusão de suas memórias locais.

“É com base na nova museologia e por meio de suas próprias narrativas de memórias que pretendemos envolver a comunidade, ao realizar um inventário participativo, processo no qual as comunidades assumem, em primeira pessoa, a identificação, a seleção, o registro e indicam soluções para a preservação das referências culturais mais significativas das suas memórias e História, completou Vilma Cristina.

Serviço

I Roda de Conversa – Projeto Desejos de Memória

Dia 10/04, às 15h – Via Google Meet

Inscrição https://forms.gle/biy9LJP937YiHTga7

Iniciativa premiada pelo Edital de Premiação Seu Dito da Congada com recursos da Lei Federal Aldir Blanc

 

Sobre as idealizadoras do projeto

Damaris Ferreira – Atriz DRT 11043, Psicodramatista formada pela PUC/SP e estudante de Gestão Empresarial pela FATEC COTIA. Como atriz realizou espetáculos de teatro de rua, teatro de sombras, fantoches e estudou mímica clássica. Ministrou aulas e oficinas de expressão corporal para crianças e adultos. Possui longa vivência no mercado corporativo como gestora e utiliza as técnicas teatrais no desenvolvimento de competências. Há 11 anos atua com Teatro de Reprise realizando apresentações em empresas, escolas, faculdades, Organizações. Atualmente está à frente da TAO Solução Dramática. Desenvolve, hoje, no projeto a função de Coordenadora artística e cultural das oficinas na área de educação Ambiental e Patrimonial, responsável pela sistematização de conteúdo.

Gabriela Medeiros de Moraes Carvalho

Graduada em Turismo com Gestão em Eventos pela Universidade Anhembi Morumbi. Trabalhou no Departamento de Turismo da Prefeitura Municipal de Cotia, APRECESP – Associação das Prefeituras das Estâncias Turísticas de São Paulo, viveu por dois anos na Austrália e retornando ao Brasil trabalhou com eventos corporativos em Hotel Fazenda no interior de SP. Em viagem de quatro meses à Amazônia teve experiência como facilitadora em Programa de Educação Ambiental para crianças e adolescentes ribeirinhos e em curso de capacitação de Turismo de Base Comunitária junto a Secretaria de Turismo local. De volta à SP trabalhou em agência de turismo receptivo em Ubatuba e logo após criou sua própria agência em Cotia, a Mundo Aflora Turismo que desenvolve o turismo receptivo na região através de roteiros históricos, culturais e ambientais. No projeto é coordenadora responsável pela área de educação ambiental e no debate e configuração inicial de um plano de uso/ turístico para a RFMG.

Professora Mestre Vilma Cristina Soutelo Assunção Noseda é doutoranda em História Social pela PUC- SP, com mestrado (2017) pela mesma instituição. É pesquisadora das áreas de Patrimônio e Museologia, no município de Cotia e professora, há mais de 20 anos, na rede pública e particular de ensino. Atualmente, pesquisa a história e a memória da Reserva Florestal do Morro Grande, tombada pelo Condephaat. Seu projeto busca a construção de um inventário participativo com a função de elaborar diretrizes para a criação de um Museu de Território (ECOMuseu Morro Grande), com o objetivo de reverter o quadro atual de subutilização do patrimônio cultural da região. Desenvolve a função de coordenadora responsável pela área de educação Patrimonial e Plano Museológico do Projeto.

Fotos: Vagner Santos

Fotocolagem: Divulgação

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Cotia/SP- Operação Desinfecção percorre a cidade aumentando a proteção contra a Covid-19

Desde março de 2020, Cotia conta a Operação Desinfecção implantada pela Prefeitura com o objetivo …