Home / Cotia / Câmara de Cotia homenageia mulheres e recebe presidente da APAE; Eduardo Nascimento declara oposição a Rogério Franco

Câmara de Cotia homenageia mulheres e recebe presidente da APAE; Eduardo Nascimento declara oposição a Rogério Franco

Por Victor de Andrade Lopes

Tim, Celso Itiki, Dr. Castor, Drª Eliana, Professor Osmar, Sandrinho Santos e Tagarela na mesa diretora da câmara de cotia
Da esquerda para a direita: Tim, Celso Itiki, Dr. Castor, Drª Eliana, Professor Osmar, Sandrinho Santos e Tagarela
A Câmara Municipal de Cotia realizou na manhã da ultima sexta-feira (8 de março) sua quinta sessão ordinária de 2019. Ela foi realizada excepcionalmente na sexta-feira devido ao feriado de carnaval e teve a presença do diretor da APAE de Cotia, Paulo Generoso.

Nenhuma lei foi discutida ou votada, mas os vereadores aprovaram duas moções: uma de aplausos e homenagens às mulheres pelo Dia Internacional da Mulher (Moção nº 5/2019) e outra de pesar pelo falecimento de Benedicta Stefano Antunes de Oliveira (Moção nº 6/2019).

Os parlamentares foram à tribuna dar palavras de apoio às mulheres. O presidente da casa, Dr. Castor Andrade (PSD), disse que “a mulher tem papel fundamental na economia e na sociedade. Ela é a grande força do homem, sem ela não seriamos nada. Hoje virou modismo os homens violentarem a matarem as mulheres. Por isso, vou trazer aqui no dia 22 às 19h o Valter Ishida, um grande professor e procurador”, disse, referindo-se à palestra que a Câmara promoverá na data e horário citados.

Além das moções, os vereadores aprovaram um requerimento de Eduardo Nascimento (PSB): o nº 4/2019, que oficia a Enel Distribuidora São Paulo (antiga AES Eletropaulo) para que envie relatório detalhado sobre a interrupção de energia em Cotia entre os dias 26 e 28 de fevereiro. Por outro lado, o parlamentar teve um requerimento rejeitado pelos colegas: o nº 5/2019, que solicitava ao prefeito Rogério Franco os valores destinados às obras de duplicação da Estrada de Caucaia do Alto.

Eduardo foi um dos destaques da sessão. Em discurso na tribuna, ele prometeu soltar “uma bomba” com relação às escolas de Cotia na segunda-feira pela manhã. Em seguida, ele demonstrou arrependimento por ter apoiado o prefeito. “Acreditei nele, mas agora vejo que ele não cumpre o que promete. Votei um projeto que acabou com a vida do funcionalismo público. Acreditei em uma mentira e tiramos direitos dos servidores”, disse, referindo-se aos projetos que retiravam benefícios que foram aprovados pela Câmara em 2018.

Eduardo também criticou as obras de duplicação da Estrada de Caucaia, dizendo que o valor é alto e está sendo feito apenas um recapeamento, e finalizou seu discurso com uma promessa: “hoje eu sou contra a sua gestão até terminar o governo. Vai ter vereador falando bem do senhor, mas quero ver nas redes sociais ou nas ruas o povo falar bem do senhor”.

Edson Silva (PRB), por sua vez, reafirmou sua lealdade a Rogério, dizendo acreditar que ele cumprirá suas promessas e que ele está realizando muitas obras na cidade. O vice-líder de governo, Tagarela (PSB), também se mostrou comprometido com o prefeito, elogiando as obras de reforma da sede da prefeitura e também as das escolas que, segundo ele, serão feitas “aos poucos” pois não é possível licitar todas de uma vez.

Celso Itiki (PSD), o líder de governo, também elogiou a gestão atual. “A duplicação da Estrada de Caucaia poderia te sido feita no governo anterior, mas só tivemos a conversão do acostamento. Agora sim veremos uma duplicação de fato. Os funcionários públicos como professores, assistentes e GCMs devem ter gostado das mudanças que o prefeito fez”, disse. Ele também anunciou a chegada, até o final do ano, de R$ 2 milhões em recursos para a saúde da cidade, disponibilizados por meio de emenda do deputado federal Herculano Passos (MDB).

Mais adiante na sessão, Eduardo voltou a soltar o verbo contra a atual administração. “O prefeito é um menino mimado. A gente manda ofício e não é atendido, aí a gente faz vídeo para cobrar e ele fica com raiva”, criticou.

Ele também dirigiu suas palavras ao colega Tagarela. “Eu tenho certeza que o Tagarela não anda nas escolas de Cotia. Qual a prioridade da prefeitura, reformar um gabinete ou uma escola? Os professores organizam eventos para arrecadar dinheiro para reformá-las! Usam dinheiro do próprio bolso! O senhor veio aqui para ser cão de guarda do governo! Respeito sua história e seu mandato, mas não concordo com o que está fazendo”.

Sobre o requerimento de sua autoria que foi rejeitado pelos pares, ele disse não entender os valores da obra. “A duplicação da [Rodovia] Bunjiro Nakao vai contemplar 29 km e custar R$ 90 milhões, enquanto que a duplicação da Estrada de Caucaia vai custar R$ 54 milhões! É por isso que eu fiz o requerimento”, disse. As obras da Estrada de Caucaia contemplarão cerca de 12 km. Levando em conta os valores fornecidos pelo vereador, as obras da rodovia custarão cerca de R$ 3,1 por km, enquanto que as da estrada custarão cerca de R$ 4,5 milhões por km.

Tagarela iniciou sua resposta ao colega com uma reflexão. “Quem poderia imaginar que um ex-secretário sairia do Executivo e assumiria uma cadeira no Legislativo e seria contra o prefeito? Eu vim para esta casa para legislar a favor da municipalidade e ajudar o prefeito a governar essa cidade, vim para fazer o melhor para esse município”, disse.

“Quanto eu estive na APAE com o Paulinho Lenha (PSB), o prefeito e a primeira-dama Mara Franco, no mesmo momento em que o Rogério entregou a van, eu o vi autorizar a Secretaria de Obras a fazer duas salas na APAE para abrigar o CEIC. Isso é prova do olhar clínico dele”, continuou.

Sobre a situação das escolas de Cotia, ele rebateu o colega e reiterou o que disse em sua fala inicial. “Eduardo, eu conheço bem todas as escolas de Cotia. O prefeito está licitando, não dá para fazer tudo de uma vez e acredito que todo mundo vai se dar bem. O prefeito tem trabalhado muito para a educação”, disse.

Ele comentou ainda a questão das merendeiras da cidade, que ameaçaram entrar em greve. “As merendeiras são terceirizadas, acredito que se alguma delas não está satisfeita com a empresa, ela tem que pedir as contas ou reclamar na Secretaria de Educação, pois elas recebem em dia. A gente tem que separar o joio do trigo. Quer falar mal do prefeito, fala. Mas a gente tem que ser justo. A merenda é boa e elas ganham em dia. Se ganha bem ou mal, cada um sabe onde quer trabalhar”, concluiu.

Ao final da sessão, Dr. Castor concedeu a palavra a Paulo Generoso. “É com satisfação que sou presidente da APAE. Desde sua fundação em 1989, ela vem lutando para que as pessoas com deficiência possam ter um espaço digno na sociedade. Todos sabem da luta dos funcionários que dedicam suas vidas a essa causa. Foi por meio da luta de pessoas excepcionais que atendemos hoje 300 famílias e esse numero está aumentando, temos fila de espera”, afirmou.

Em seguida, ele fez um apelo por mais apoio financeiro à entidade. “Começamos o ano com um déficit de R$ 45 mil, porque o estado com quem temos o convênio não enviou o dinheiro. Esse dinheiro vai chegar um dia, mas peço aos vereadores que nos ajudem não só a termos esse dinheiro, mas também que nos ajudem a fazer projetos para a APAE arrecadar fundos”.

Os vereadores discursaram em favor da APAE logo em seguida. Celso e Edson se colocaram à disposição para ajudar a instituição. Edson pediu também aos empresários da cidade que ajudem e que o secretário de indústria e comércio Ademir Rodrigues traga empresários pra ajudar a APAE.

Sobre Granja News

O Granja News, jornal voltado ao público da Granja Viana e região, tem circulação em todo o centro comercial da Granja, parte de Cotia e em 90 condomínios da região, como por exemplo, São Paulo II, Nova Higienópolis, Fazendinha.

Leia também

Prefeitura encaminha à Câmara Projeto que cria o Plano Diretor Ambiental de São Roque

A Prefeitura Municipal encaminhou à Câmara, nesta semana, e deve ser apreciado nos próximos dias, …